O jornal

 

Em 1918, Henry Ford adquiriu uma empresa jornalística – o The Dearborn Independent, também conhecido como A Semana Internacional Ford. O magnata começou a administrá-lo em 1919 e a escrever artigos até 1927, ano de sua última edição nos Estados Unidos.

O jornal teve uma tiragem de 900 mil exemplares em 1925, em grande parte devido à promoção pelas concessionárias Ford. O conteúdo do jornal continha artigos sobre literatura americana e outros fatos do cotidiano da vida dos americanos.

O semanário foi impresso em uma prensa comprada pela Ford e instalada na fábrica de tratores da Companhia, em River Rouge.

Henry Ford escreveu centenas de artigos na seção O Judeu Internacional, e, em virtude do suposto teor antissemita desses textos, foi acusado publicamente por diversos setores da sociedade americana. Em 1929 -dois anos após o fechamento do jornal – Ford assinou uma declaração na qual pedia desculpas pelo conteúdo das matérias.

 

Fonte: Wikipedia

 

Capas de duas edições do The Dearborn Independent, de 1926

Cópia de um dos primeiros artigos escritos supostamente contra os judeus por Henry Ford nesse jornal; outros textos que se seguiram foram motivos para ações judiciais contra o magnata da Ford

Réplica de banca de revistas (resina) no centro de Boston, Estado de Massachusets

No detalhe, edições do jornal The Dearborn Independent e da Revista Time (capas com fotos de Henry Ford)

Henry Ford também foi notícia, nos anos 20 a 40, na famosa revista americana Time